A única condição que separa o sonho da realidade é a força de vontade em realiza-lo!
( Adriano Hungaro )

domingo, 22 de janeiro de 2012


 

 

 

 

 

 

 

 

ENTRE MAR, ENTRE ILHA E TEMPESTADES


Se no mar eu te vejo transeunte...
Entre ondas, entre fortes vendavais
Eu sou ilha que te cobre de ternura
Mas sou ilha que não traz nenhuma paz

E no mar recheado de tormentas
Nessa nau... tu adora o vendaval
Mas sou ilha, e o inerte te atormenta
Nessa ilha tu serás apenas caos

Mas um dia, quiça eu compreenda
Que as vezes é melhor virar tormenta
Que entre mar, que entre ilha e tempestades
Que entre tudo e também além do caos

Eu serei para sempre tua ilha...
Tu serás para sempre vendaval!



 ⊱✿✿

Nenhum comentário:

Postar um comentário