A única condição que separa o sonho da realidade é a força de vontade em realiza-lo!
( Adriano Hungaro )

quarta-feira, 22 de junho de 2011
















NAS HORAS QUE O HORIZONTE SE ACINZENTA...


Nas horas que o horizonte se acinzenta
Com as dores de um amar que é tormenta
As cores, todas elas, perdem o tom
E a voz, seguindo a dor, perde seu som!

E tudo vira gris, vira saudade
Por horas, a tristeza nos invade
O tempo já não passa no relógio
E tudo é um simples: Até logo!

Nas horas que o amor se acinzenta
Naquelas que o amar vira tormenta
O grito silencia o "EU TE AMO!"
E tudo já não passa de um engano

As cores todas elas estão gris
E a dor desse amar... é infeliz!



21/06/2011

⊱✿✿

Nenhum comentário:

Postar um comentário