A única condição que separa o sonho da realidade é a força de vontade em realiza-lo!
( Adriano Hungaro )

quinta-feira, 23 de setembro de 2010



AMOR PRÓPRIO...

Resolvi que o melhor, definitivamente, foi me livrar de tudo aquilo que não me faz bem e que me causa asco. Inicialmente, comecei me livrando das amizades medíocres, dos falsos amigos, das pessoas interesseiras e de todos aqueles que sempre teimavam em me colocar para baixo. Depois, fui me livrando das paixões instáveis e dos falsos amores; passei a deixar de lado a utopia de querer amar sempre e de ser amado. Larguei as âncoras, abandonei castelos e fiz novos desenhos de vida. Com o tempo percebi que tudo isso era pura somatória favorável; percebi que a atitude que muitos denominavam egoísmo nada mais é que amor próprio; aquele amor que poucos têm coragem de assumir. Mas, assumi que não preciso das pessoas para estar feliz e que, principalmente, felicidade é um estado de espírito que precisa ser renovado todos os dias. Hoje sou feliz e mantenho-me equilibrado entre tudo o que é bom e que me faz bem. O resto fiz página virada e queimei da minha vida, fiz virar cinzas e espalhei pelo mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário